Chapter 2012 – Act 01, Page 16

Meus olhos se movimentam vagarosos, o Sol ainda não se levantou e a brisa frígida ainda se faz presente. Noite mal dormida, e desperto com alguns vislumbres da visão, lembro-me vagamente de algumas coisas, lembro-me que algo me mandou de volta ao mundo às 2h02min, assim que abri os olhos, o clarão me fez voltar ao Reino dos Sonhos. Eis que finalmente desperto com a cabeça latejando tão forte como se um raio a tivesse transpassado.

E o dia começa tão cedo quanto o raiar do próprio Sol, e já não mais consigo lembrar-me sobre o que visualizei entre prédios, janelas, campos, casas, passos, pessoas, e tudo está confuso em minha mente, já não posso mais me lembrar o motivo pelo qual acordei às 2 da madrugada. Sei que algo me jogara de volta ao mundo, mas porque?

Hoje tenho todo o tempo do mundo para pensar em mim mesmo, mas assim não o faço. Não consigo desligar meus pensamentos, esses concentram-se apenas na mamãe, e minha mente somente se acalma quando volto-me às Terras de Verão, pensando no real e na Grande Rainha. Lembro-me que não somos capazes de ensinar aqueles que não podem aprender, e realmente entendo que vivemos todos os estágios que a Deusa nos proporciona.

É estranho dizer, mas não sei mais em que pensar, meus pensamentos se voltam aos gigantes do gelo, aos olhos daqueles que me olham no escuro, as vozes que ecoam em minha mente, ainda agora tento me lembrar sobre o que eu realmente vi durante a noite. É tarde, e nem tudo está no seu lugar, muitos ainda precisam regressar e muitos outros ainda precisam ter a ciência do controle, não é tão simples quanto parece, nada pode ser tão simples, ou tão complicado quanto parece.

Temos de ver através do veu, através do olhar de uma criança, nem sempre a razão está ao lado do discernimento adulto, muitas vezes a razão faz parte de um contemplado, ou seja, faz parte de algo que não poderemos entender enquanto estivermos cegos buscando respostas, muitas respostas se fazem presentes em nossas vidas quando menos esperamos, a diferença, é que quase sempre as pessoas estão vedadas aos ensinamentos da vida. Abre sua mente e coração, podemos ser diferente, mas no fundo possuímos uma base semelhante.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s