Chapter 2012 – Act 02, Page 20

Quero acordar sem nada ter para lembrar e a vida sentir correndo em meu ser, será que você vem, será que olhas pra mim, será que será. Nada mais do que uma noite de sexo, e somente isso, sem nem mesmo uma abertura digna para algo concreto, não. Tu és e será para mim apenas um passar de tempo, e nada mais que isso, não me importo com o que os outros dirão, não quero ver se tu você volta ou se vem, pois sei que já olhou para mim. Gostaria de aplaudir e reverenciar a plateia sórdida deste mais novo episódio insano, talvez seja hora de navegar por águas turvas, oh viva eu, viva Nanã.

Eu não sei o que me domina, e mesmo assim não penso em me livrar, já dizia Vercilo, que o amor me fez me levando além, mas amar não é só ternura e rota de estrelas brilhantes, o amor também é sexo e paixão, e em todos abraços se fazem círculos sem fim, e foi eterno enquanto durou. Levar além é o ponto inicial, talvez algum dia eu reveja esse sentido tosco e turvo da vida, mas é assim, ele surge e se esvanece num piscar de olhos. Sem lágrimas, sem dor, sem amor e sem rancor, é assim que é, e assim que deverá ser.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s