Chapter 2012 – Act 02, Page 22

Voltar à realidade, à árdua vida em agência, e me revolto ao saber que após um carnaval a vida continua, e a ressaca moral, e os devaneios desta época do ano, tudo se esvai numa quarta-feira de cinzas. Cinzas, por mais que eu deseje isso, meu dia é de Sol, luzes, cores e alegria, vou à agência como não costumo ir, de bermuda e camiseta solta, chinelos e a alegria de passar um carnaval na casa da vóvó, e claro, alguns quilos mais gordo.

Não consigo fazer nada, apenas enrolar e ver as poucas horas passando apressadas pelo círculo do relógio. As árvores falam comigo enquanto caminho solitário por entre suas sombras, me lembrando de um tempo já esquecido, mas o tempo já passou e agora vivemos o novo e o moderno. Temos que nos acostumar às mudanças e fazermos também as mudanças, que serão eternas enquanto o tempo permitir, talvez viveremos novamente um fluxo de tempo do qual eu voltei, acho que m breve chegará o tempo que entenderei minha virtude e meus deveres neste lugar nulo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s