Chapter 2013 – Act 01 – Page 02

E o dia começa com uma manhã estranha, nem frio e nem calor, apenas um lindo ceu cinzento e um clima de mudanças no ar. É estranho ver a vida recomeçar de um ponto de vista pouco otimista, não que eu pense na vida como uma lamúria insustentável, mas sinto uma energia estranha pairando sobre a terra. Uma vez ouvi de um certo monge, ou mestre da natureza, que “as pessoas são capazes de produzir energias tão poderosas através da esperança, medo, amor e ódio”; e agora refletindo percebo que uma data criada se tornou algo tão forte que gera uma energia de mudança nas pessoas, mas pena que por essa data não ser nada significativa para a natureza, a real mudanças que as pessoas desejam não acontece.

Compreendo que as pessoas tem que crescer e evoluir, penso desta maneira desde garotinho. Hoje compreendo melhor isso, pois o passado estudei para me tornar um ser melhor, um ser maior, talvez me tornei até mesmo um outro ser. A dúvida sempre gera a certeza, e talvez o maior impecílio em tudo isso seja a falta de discernimento das pessoas, eu me questiono para ter a certeza de que estou correto, ou errado.

Questionar a si mesmo é a melhor maneira de questionar um sociedade inteira, pois o meio se faz por aqueles que o compõe, e as pessoas se moldam pelo meio em que vivem. A vida é um ciclo e tudo nela é cíclico, se fazes mal à alguma pessoa, um dia alguém lhe fará mal, e mal farão à pessoa que lhe fez o mal, e o mesmo acontecerá à essa, àquela e à muitas outras. Pense nisso, remolde os teus atos, repense a tua vida, refaça o teu ser.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s