Chapter 2013 – Act 03, Page 12

A limitação não é semelhante, a limitação não é plausível, a limitação não condiz com a minha verdade, não condiz com a minha filosofia de vida, não condiz comigo. Quero ampliar, quero mostrar ao mundo que vim para mudar, para fazer diferente, para ser a diferença. Sou diferente, sou livre, tenho alma e coração, minha boca não calo quando morre uma canção, tenho alma e sou poeta, que às vezes rimo sem métricas, mas exprimo o penso.

Eu penso, e penso num futuro melhor onde ninguém julgará pela roupa, pela capa, pelo esteriótipo. Eu vejo, e vejo um mundo onde alguém te limita apenas por não enxergar a verdade que é diferente da dela, todos os conceitos coexistem, todos os conceitos se expandem, todos vivem. Eu faço a minha diferença ser o meu principal motivo para acordar todos os dias e gritar ao mundo que estou vivo e que vivo diferente dos meus pais, que penso num mundo idealizado pelos herois da revolução, pelos meus ídolos que não morreram no meu coração.

Sol que brilha forte no ceu de uma manhã límpida e calma, e resplandece seu furor de rei sobre o mundo, mostre a todos o motivo pelo qual tu nos concede luz todas as manhãs. Sem manhas e artimanhas, me desperto para um mundo novo, fugindo à minha utopia particular, experimentando um mundo novo, vivendo uma nova vida, morrendo uma nova morte, amando um novo amor. Faço com que todos os meus dias sejam diferentes, para que eu não morra na mesmice hipócrita de uma sociedade doente, não sou escravo de um conceito padronizado, não sou mercadoria de uma barganha barata, não sou exclusivamente seu.

Voa alma derradeira, voa espírito livre, voa mente ligeira, voe e voe o mais alto que possas, mostre ao mundo tuas asas de imaginação fértil, de sentido de criança, de torpor adulto, de sabedoria antiga. Voe e mostre ao mundo teu esplendor, não silencie tua boca, pois quando nascestes, tu gritastes ao mundo informando tua vinda. Viva, sonhe e seja o diferente, não se enquadre, não pense na caixa, não faça o que dizem, não se alienie, não viva pra sobreviver, não sonhe por sonhar. Ouse e siga adiante, sonhe com um mundo novo, com algo diferente, novo e inusitado. Viva e seja feliz!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s