Chapter 2013 – Act 06, Page 13

Tropa de Choque (Poícia Militar) - São Paulo

Morto, é assim que me sinto enquanto escrevo. Morto por gás, por tiros, por medo, por sagacidade, por displicência, por competência, por incompetência, por uma causa, por um bem maior, morto por um sistema autoritário e repressor. Morto. Viver a morte é melhor do que viver morto, com olhos vendados, mãos atadas e voz silenciada. Viver a morte é a melhor sensação que se deve experimentar na vida, pois assim descobrimos que estamos vivos.

Quero viver uma vida nova, quero morrer de um novo amor, quero viver uma nova paixão, quero morrer o velho que há em mim, quero viver o novo que há no meu ser, quero morrer uma morte, e viver mil vidas. Quero viver a morte mais de uma vez e com ela aprender, quero ser livre para poder voar e sorrir, quero apenas sentir as bromélias desabrocharem, e ouvir mais uma vez a sonata Vinland Saga do Leaves’ Eyes.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s