Chapter 2014 – Act 01, Page 05

Tenho que ver aquilo que ainda não se mostrou para mim, tenho que observar sem sem observado. É tão estranho vê-la andando assim, tão sorrateira pelos cantos escuros, seus movimentos são rápidos e precisos, tu sabes onde pisas e mesmo assim segue confiante para teu destino final. Ei, espero senhorita, qual será o seu destino final? Devo alertá-la que há algo oculto à ti, tenhas cuidado e haja com sabedoria, não lhe custa esperar um pouco e sentir o próximo ambiente antes de atravessá-lo, por favor, tenha cuidado nessa perigosa travessia e leve consigo o manto da noite, só assim passará despercebida perante aos guardas.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s