Chapter 2014 – Act 05, Page 10

E hoje me dou ao luxo de me sentir vivo, e então permanecer vivo. Mas, calma aí rapaz. Que diabos você está dizendo agora? Isso é sério? Você parou o meu pensamento para dizer isso?

 

Então vá, saia e não retorne. Você sabe voar e ninguém está te segurando, não porta por onde passar, apenas deseje não mais está aqui. Espera. Volte. Mas não minta, não me faça esperar para ouvir o inexplicável e permanecer aqui, calado e passível à essa situação. Tenho mesmo que lhe ver partir assim? Não estou pronto para vê-lo tão longe de mim.
Espere. Pense melhor. Então vá. Vá, e se quiser voltar, estarei aqui, mas não do mesmo jeito e muito menos da mesma forma. Vá, e volte para mim.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s