Chapter 2015 – Act 07, Page 10

Corpo treme em frêmito por causa de uma dor de cabeça. Cabeça essa que me pertence e foi, desde de tempos imemoriais, consagrada aos deuses e agora eles me cobram novamente desenvolvimento. Lateja, dói, os vejo à minha volta, me olham como se eu tivesse que sair correndo agora para um lugar e deixar todos virem, juntos ou separados, mas todos. As dores voltaram e eu preciso de ajuda, não me sinto pronto para fazer isso sozinho, e quando digo isso me refiro à ajuda de um pai ou mãe que consigam lidar efetivamente com essa situação. Eu realmente preciso de um pai ou mãe. Já sinto novamente a necessidade de trabalhar e utilizar todo esse dom para ajudar o mundo e as pessoas, mas sozinho não consigo, sozinho não posso. É chegado o momento na vida de um errante solitário de se unir à matilha novamente. Preciso de uma que me ensine mais do que eu já sei, preciso de uma que me ajude a desenvolver tudo aquilo que eu ainda não desenvolvi. 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s