Chapter 2015 – Act 11, Page 04 

Um dia tu me perguntou qual era a minha expectativa em relação a nós, quando o conheci. Menti. Hoje não me lembro ao certo o que lhe respondi, mas a verdade é que não senti absolutamente nada, não tinha expectativas e também não queria ter, mas as coisas foram caminhando e tomaram um rumo diferente do que eu imaginava e esperava. Aprendi a gostar de li e lhe entender. Acho que o entendi até demais. Não sei se estou certo quando digo isso, pois se nem mesmo tu te entendes, que dirá eu. Logo eu que sempre fui tão claro e direto, sempre apostei em certezas e nunca em incertezas. Apostei e perdi. Isso agora é o de menos, posso seguir adiante. 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s